domingo, 1 de abril de 2018

aCalopsia: Hanuram, o Dourado



Baixinho e encorpado, a puxar para o roliço, de cabelo esparso. Mas não se deixem enganar pela aparência insignificante. Hanuram é duro, e sobrevive a todas as temíveis criaturas que os deuses, irados com as suas ações, lhe colocam pela frente. Já aos adversários, a sobrevivência é impossível. Um bárbaro feiote é dificilmente o herói típico das epopeias de espada e feitiçaria, mas o traço e capacidades narrativas de Ricardo Venâncio torna este um dos livros de banda desenhada portuguesa mais interessante dos últimos tempos. Crítica completa no aCalopsia: Hanuram, o Dourado.

Sem comentários: