sábado, 9 de julho de 2016

Alive




Só deu para ir no primeiro dia. Saldo final da noite no palco principal: um concerto inesperadamente espantoso, outro surpreendentemente medíocre, e um final de mediocridade expectável. Fica-se com a sensação que se perdeu algo de interessante noutros palcos.

Sem comentários: