sexta-feira, 28 de março de 2014

Gea: L'orco


Luca Enoch (2001). Gea #06: L'Orco. Milão: Sergio Bonelli Editore S.P.A..

Uma das características que torna Gea interessante é a forma como Luca Enoch subverte as expectativas. A base é previsível, sabemos que a adolescente é uma peça da eterna luta do bem contra o mal, mas as ameaças que combate raramente são as mais óbvias. Neste episódio esta característica é particularmente aparente. Estamos condicionados para ver os Orcs como criaturas de pesadelo, mas o real pesadelo com que Gea se defronte é a de um cirurigão que não hesita em assassinar crianças dos estratos sociais mais baixos para vender os seus orgãos a bom preço. Tememos o mítico, o desconhecido, o que está fora das zonas da nossa experiência quotidiana, mas aquilo que tememos é por vezes o que nos salva, enquanto no que confiamos nos pode destruir. Para além deste fortíssimo texto Enoch adensa as personagens secundárias, quer as que representam o lado bom, como o detective emigrante que luta pela justiça ou o agente do FBI que se dedica a investigar ocorrências estranhas, quer os monstros ocultos sob pele humana com que Gea se cruza mas não se defronta.

Sem comentários: