terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Playtime



E porque a inspiração parte dos sítios mais anódinos... a imagem que despertou a faísca, vista de relance num grupo dedicado a Perry Rhodan. Num destes dias dedico-me a fazer um cruzador arcónida. A coisa é redonda por isso não deverá ser muito difícil.


(E sim, a alemanha tem uma forte tradição de FC para além de Perry Rhodan. Aliás, pelo que vejo na europa só mesmo por cá é que o género é coisa minúscula, mantido vivo por um reduzido punhado de fãs empedernidos. Edição é quase inexistente, e resta o esforço do fandom. Portugal, este pequeno e sufocante rectângulo de campos de golfe, hotéis de charme e praia, é mau país para se ser culto.)

Sem comentários: