domingo, 14 de julho de 2013

Complexidade Massiva







Foi um privilégio visitar o esplendor barroco da parte do Convento de Mafra pertencente à Escola Prática de Infantaria. Uma lição de histórias da história e um vislumbre sobre o trabalho de uma organização centenária. E, claro, um deslumbre na colisão estética entre a limpeza do espaço perspéctico influenciado pela tradição greco-romana e o gosto pelo ornamento complexo que quebra a rigidez da linha recta e se abre à elegância sensual da curva a que chamamos Barroco. É nos telhados que a complexidade massiva da estrutura nos atinge por completo.

Sem comentários: