quarta-feira, 12 de junho de 2013

Fumetti: Lilith: Il Segno Del Triacanto, Il Vessilo Di Re Morte


Luca Enoch (2008). Lilith 01: Il Segno Del Triacanto. Milão: Sergio Bonelli Editore S.P.A..

Num futuro distante a humanidade sobrevive em subterrâneos, impedida de contactar a natureza pela praga dos Triacantos. Super-vórtice que aniquila humanos que se atrevam a vir à superfície planetária, evoluíram lentamente ao longo dos tempos até se tornarem uma maldição sobre a humanidade. A jovem Lyka representa a esperança da espécie humana: dotada de poderes especiais e treinada como assassina implacável, tem como missão atravessar o tempo para aniquilar os primeiros portadores da praga misteriosa. A sua primeira missão leva-a a Tróia, onde o homem infectado com a praga se encontra entre os troianos cercados pelos lendários gregos. Poderosa e invulnerável, Lilith não é perfeita. Depende de um bio-implante para conhecer a época em que se materializa e integrar-se com os habitantes. Apesar de vinda do futuro, Lyka não consegue ver aqueles que vivem nas eras onde cumpre a sua missão como pessoas que já morreram há milénios, e sente-se culpada porque a sua missão envolve assassinar os portadores da praga do triacanto. Dúvidas existenciais que não assolam o seu assistente, um animal quimérico que apenas Lyka pode ver.

Lilith parte de uma premissa sólida, se bem que pouco imaginativa, e utiliza com eficácia os elementos narrativos das viagens no tempos. Ter uma agente secreta a percorrer a história para combater uma ameaça futurista é uma boa desculpa para aventuras ao longo do tempo. Sem ser excepcional, este fumetti mergulha-nos em aventuras bem construídas enquanto mantém um fio condutor interessante.


Luca Enoch (2009). Lilith 02: Il Vessilo Di Re Morte. Milão: Sergio Bonelli Editore S.P.A..

Na segunda aventura da agente que atravessa o passado para salvar o futuro somos levados à era de ouro da pirataria naval. A busca pelo alvo de Lilith leva-a a um périplo pelos mares do atlântico e do índico, capturando tesouros, raziando fortes coloniais e enfrentando combates em alto mar. Neste volume descobre-se que as acções de Lilith têm alguma influência sobre o decurso da história. O álbum em si vale pela excelente caracterização dos artefactos navais esperados numa narrativa deste género. Belíssimos veleiros, piratas do alto mar e batalhas navais são representadas por um traço preciso e minucioso.

Sem comentários: