quinta-feira, 10 de junho de 2021

Mythos: The Greek Myths Retold

 

Stephen Fry (2017). Mythos: The Greek Myths Retold. Londres: Michael Joseph.

É sempre bom redescobrir os mitos gregos, essas encantadoras histórias de divindades que a antiguidade clássica nos legou, e são um dos pilares culturais da civilização ocidental. Milénios após terem evoluído das tradições orais para a literatura dramática grega, estas histórias de deuses caprichosos, apaixonados, exigentes, poderosos mas fundamentalmente humanos continuam a fascinar. Stephen Fry mergulha a fundo na mitologia, transformando-a em pequenas histórias que nos contam a grande história dos mitos.

E, no entanto, o livro sabe a pouco. Tem tudo para ser encantador, e é certamente mais agradável de ler do que Apolodoro ou Bullfinch, mas algo se perde neste livro. Talvez seja influência do autor, esperamos de Fry a ironia e eloquência que tem como ator, mas que no texto escrito não transparece. Falta a oralidade, o que não deixa de ser um recordar que, na sua origem, estes mitos foram histórias contadas por vozes do passado.

Sem comentários: