segunda-feira, 18 de junho de 2018

Comics


Mister Miracle #09: Há que admirar o rigor dos argumentos de Tom King, a forma como espartilha as suas histórias em enquadramentos rígidos. Deve ser daqueles argumentistas que define tudo aquilo que a equipe gráfica tem de fazer, sem lhes dar espaço de manobra. Para além destes aspetos formais, o trabalho que desenvolve nesta série tem um toque adicional, na forma como intersecta o banal com o extraordinário, o portentoso com o humor.


Thor #01: Portanto, deixem-me ver se percebi. A Thor deixou de o ser, para conseguir tratar o cancro que corrói a sua forma humana, mas O Thor continua indigno de usar o seu martelo, regressando apenas como um personagem menos poderoso, enquanto os mundos de Asgard são consumidos pela guerra, e os asgardianos são refugiados na Terra? Pronto, ok, continuidades dos comics, têm a sua lógica muito própria. O notável neste novo título é dar-nos um futuro Thor, deus de uma Terra recriada no final dos tempos, e que terá de enfrentar uma última iteração da força fénix, desta vez encarnada em Wolverine. Essa, ninguém estava à espera. É de notar que se a fórmula Old Man Logan pegou, este personagem segue-a naquilo que pode ser descrito como um Old Man Thor.

Sem comentários: