terça-feira, 22 de maio de 2018

Dampyr: Aventuras em Portugal



Mauro Boselli et al (2018). Coleção Bonelli #02 Dampyr: Aventuras em Portugal. Lisboa: Levoir.

Não consigo perceber se o artifício editorial para atrair leitores de escolher aventuras de um personagem passadas em Portugal é parolice ou simpático aceno aos fãs. Dampyr, o caçador de vampiros que por ser filho de uma união entre vampiros e humanos tem um sangue letal para os filhos da noite, chega aos leitores portugueses na coleção Bonelli da Levoir. Quando andei a descobrir o fumetti, confesso que este não foi um personagem que me atraiu muito, talvez pela monotonia da sua premissa. Harlan Draka, o dampyr, e o seu amigo Kurjak andam pelo mundo sempre à caça de vampiros, para os destruir, com o fim último de eliminar o sempre esquivo arqui-vampiro Gorka. É o tipo de premissa linear completamente aberta, que sustenta narrativas que são fundamentalmente variações da mesma história. Nisso Tex e Dylan Dog são mais abertos, permitem maior variação narrativa. Apesar desta minha má opinião do personagem, dei por mim a apreciar muito as histórias coligidas nesta edição, muito em parte pelo cuidado visual evidenciado pelos ilustradores.

Esta edição colige duas histórias de Dampyr. Em O Esposo da Vampira, por Mauro Boselli e Alessandro Bocci, um grupo de cineastas dirige-se a um castelo em ruínas no interior transmontano, para filmar um filme de terror de baixo custo. O seu realizador oculta um segredo familiar, envolvendo uma vampira que sustenta todo um clã aristocrático irlandês, do qual este é o último descendente. Criatura essa que depois de travada na Irlanda, séculos atrás, reside agora nas ruínas do castelo português onde foi tornada vampira. O argumentista prestou atenção aos pormenores, criando locais portugueses inexistentes mas credíveis, e o ilustrador não lhe ficou atrás. Em Tributo de Sangue, de Giovani Eccher e Maurizio Dotti, um casal de amigos do Dampyr em férias no Porto descobre o temível segredo por detrás do vinho envelhecido numa das caves de Gaia. Um segredo que envolve uma atrocidade contra judeus, há séculos atrás, e a influência de um dos demónios que Dampyr combate.

Sem comentários: