segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

Comics


Barbarella #01: Mike Carey já nos havia falado um pouco deste reboot do clássico da BD de FC francófona, e este primeiro número é intrigante. Carey pega na óbvia sexualização da personagem mas segue um caminho diferente do erotismo do clássico de Jean-Claude Forest. O lado sexual está muito presente, mas segue a vertente do feminismo e das lutas culturais que opõem os progressistas a conservadores, em que a posse moral do corpo feminino é um dos campos de batalha.


Batman #36: A temporada de Tom King como argumentista deste ícone da DC está a ser tão boa que tenho a sensação que não há semana que não destaque o seu trabalho. A linha narrativa do casamento entre Batman e Catwoman está a ser uma boa oportunidade para King explorar alguns dos tropes clássicos do personagem. Neste caso, foca-se na estranha amizade que une Batman a Superman. Ambos se respeitam e evitam, apesar de serem espicaçados pelas suas companheiras para se juntarem e conversarem. Numa onda muito old school, que passa até pela recuperação irónica dos velhos slogans dos personagens, King arranja maneira de cruzar Superman e Lois Lane com Batman e Catwoman.



Sem comentários: