quinta-feira, 13 de abril de 2017

Renato Jones: The One%



Kaare Andrews (2017). Renato Jones: The One%. Portland: Image Comics.

Isto é, de facto, a crítica ao neoliberalismo gone wild. Neste The One%, seguimos as aventuras de um anti-herói, aparentemente um playboy bilionário que vive com o seu mordomo numa mansão, mas com uma vida dupla a combater... não o crime ou super-vilões pulp, mas os verdadeiros donos do mundo: a elite rarefeita dos um por cento, daqueles que nunca na história humana tiveram tanta riqueza concentrada nas mãos de tão poucos. Kaare Andrews dá-nos uma história alucinante, onde bilionários pervertidos são exterminados com extremo prejuízo por um assassino que vem do seu meio. No mundo real, sabemos que os um percentistas são intocáveis, acima de leis nacionais, protegidos das hordas de cidadãos por políticos subservientes e seguranças bem equipados. Mas neste comic, sabe bem ver caricaturas óbvias de Trump e outros plutocratas a serem desmembrados, esventrados, manipulados e até apenas assassinados a tiro. O ritmo é alucinante, o estilo gráfico a condizer, e o factor catarse elevadíssimo.

Sem comentários: