segunda-feira, 6 de julho de 2015

Sonho profundo.


Inceptionalizei-me. É desta matéria que os pesadelos são concebidos. Experimentem aqui, no Deep Dream Web Interface, que permite brincar um bocadinho com aquelas experiências de arregalar o cérebro da Google com redes neuronais e inteligência artificial. Ficam avisados: esta estética explodiu e a fila de trabalhos mede-se em milhares de jpegs. Estes andróides ainda não sonham com carneiros eléctricos, mas nota-se uma certa obsessão por olhos e pilosidades: This network was trained mostly on images of animals, so naturally it tends to interpret shapes as animals. But because the data is stored at such a high abstraction, the results are an interesting remix of these learned features.

Sem comentários: