quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Havens


Thomas Cole, Course of Empire, Desolation (1858).

Uma das coisas interessantes do mooc Online Games: Literature, New Media, and Narrative é ter posto a pensar sobre continuidades temáticas e estéticas que se estendem da tradição clássica à literatura fantástica do século XX e suas remediações no cinema e gaming. Num dos exemplos mais marcantes a estética de Grey Havens, local de finalizações de O Senhor dos Anéis, mostrando a influência classicista na estética de Tolkien que Peter Jackson tão bem soube utilizar. Mais decadente ou mais fantasista, o tema de lugar-ponto final, mas também ponto de partida fica bem marcado com o olhar que nos leva para lá do sol poente.


Lord of the Rings, Grey Havens

Sem comentários: