sábado, 22 de dezembro de 2012

Vislumbres de outras configurações

O cinema frenético (e/ou o cinema barroco) pede ao espectador um regresso, diz-lhe: "não me vejas uma só vez, faz-me companhia, vais ver que não te arrependes e que te darei muitas surpresas e novidades, realidades subterrâneas e trans-dimensionais, vislumbres de outras configurações do real".

Edgar Pêra, sobre o Manual de Evasão LX94. Texto da sessão de 21 de Dezembro de 2012 na Cinemateca.

Sem comentários: