domingo, 24 de agosto de 2014

Mourão




Ó amigo, desculpe lá, mas já foi ver as cataratas? perguntou-me o pastor que apascentava as suas plácidas ovelhas à beira do rio. Ainda não, confessei. Então é só subir e... faz com a mão o gesto de descer. E lá subi, e lá desci, por entre veredas talhadas na mata, atravessando o moinho de água em ruínas, até dar com a catarata do rio Mourão. Fica em Anços, mesmo aqui ao pé. E eu, que tantas vezes passo lá perto no caminho para respirar na praia da Samarra, nem imaginava que existia um local destes nesta região.

Sem comentários: