sexta-feira, 14 de junho de 2013

Comics


Batman #21: Condizente com as habituais reformulações revolucionárias a que já nos habituou, a DC decidiu recriar a origem do icónico Batman, aparentemente um pouco mais em linha com os filmes. O arranque é pouco promissor, com uma história incompreensível que apesar de tortuosa e desconexa para os conhecedores do personagem nos brinda com uma Gotham entregue à natureza, onde peixes abundam nos túneis submersos do metropolitano. Quanto a reformulação da origem de Batman, é esperar para ver... mas nitidamente é um herói contemporâneo. O historial golden age fica-se para os tomos empoeirados nas prateleiras das bibliotecas.


The Manhattan Projects #12: Einstein a resolver problemas com alienígenas auxiliado por motosserras? Pois, este comic continua a sua odisseia de trazer aos leitores um mundo visceralmente surreal e bizarro. Esta dose mensal de estranheza continua imperdível.


Pacific Rim Tales From Year Zero: Tendo em conta que o filme de Del Toro promete ser um alucinante espectáculo visual, festival de efeitos especiais pensados para deixar os espectadores de queixo caído, verdadeiro orgasmo de mechas versus kaijus, esta prequela merecia ser melhor ilustrada. O trabalho é competente, mas não se aproxima da espectacularidade visual prometida pelos implacáveis mecanismos de marketing. E é também um pouco preocupante. Espera-se que Pacific Rim seja precisamente o que anuncia, um momento em que desligamos o cérebro e deixamos os olhos deslumbrarem-se. Estas tentativas de aprofundar o mundo ficcional do filme correm o risco de transformar algo assumidamente superficial e divertido em mais um franchise presunçoso onde histórias lamechas e ilógicas mal disfarçam o facto de aquil servir precisamente para o que é: divertir, vender bilhetes de cinema e pipocas. Por muito que gostemos de ideias profundas no que lemos ou vemos, de vez em quando sabe bem saborear umas pipocas assumidas.

Sem comentários: