sábado, 4 de agosto de 2012

Ironias

Da última edição da revista Aeroplane. Como curioso por história e histórias da II guerra, sempre achei curiosa a carreira de Erich Hartmann. É o ás da aviação com maior número de aeronaves abatidas em combate de sempre - 352 homologadas. Voou como piloto da Luftwaffe na Alemanha nazi e depois da guerra na República Federal Alemã. Pilotou Bf 109s, me 262 (os primeiros caças operacionais a jacto) e F-86 Sabre. É aqui que reside a ironia - durante a guerra, combateu contra aeronaves norte-americanas. Depois da guerra, pilotou aviões americanos. Embora diga-se com rigor que o Sabre que pilotava foi construído pela Canadair e a forma em flecha asa baseava-se em investigações em aerodinâmica desenvolvidas por cientistas alemães.

De motores a pistão a jactos, através do fosso destrutivo a II guerra.

Sem comentários: