quarta-feira, 11 de abril de 2012

Petrograd


Philip Gelatt, Tyler Crook (20119. Petrograd. Portland: Oni Press

Um inquieto agente secreto britânico na S. Petersburgo de 1915 é apanhado num curioso jogo de poderes entre a polícia secreta do czar, um superior hierárquico sem escrúpulos, uma amante revolucionária e um grupo de decadentes príncipes russos a quem o agente tem de convencer a eliminar um homem tido como uma ameaça ao curso esperado da primeira guerra mundial: nada menos que o lendário Rasputin. O caminho é inseguro e o protagonista depressa se vê abandonado por todos, numa cidade à beira da explosão revolucionária.

Curioso retrato dos últimos dias do czarismo, Petrograd beneficia de uma ilustração expressiva em tons quentes que sublinha a violência da época.

Sem comentários: