domingo, 24 de agosto de 2008

Tainted



Jamie Delano, Al Davison (1995). Tainted. : DC Comics

Wikipedia | Tainted

Nos anos noventa, a editora de banda desenhada DC Comics lançou a linha Vertigo. Esta linha tinha como intenção amadurecer os comics publicados nos Estados Unidos, reformulando os personagens da editora criando enredos complexos, ilustrações de elevada qualidade e conferindo dimensões psicológicas e literárias aos quadradinhos à americana. A Vertigo foi, e ainda é, uma pedrada no charco do mainstream do mundo dos comics. Apostando na qualidade literária e gráfica, permitiu aos autores e artistas explorarem os limites do género. Esta mudança de paradigma reflecte-se no seu público-alvo. As edições da Vertigo dirigem-se para um público adulto, contribuindo para uma visão abrangente dos comics como algo mais do que entretenimento escapista simplista para um público jovem.

Tainted, com argumento de Jamie Delano e ilustração de Al Davison, é uma carta-branca dada aos autores para explorarem limites. No caso, os limites literários. Graficamente, Tainted utiliza o estilo quadricrómico clássico. A ilustração é sólida e eficaz, acompanhando o texto, não sendo particularmente inovadora. Tainted destaca-se no argumento do veterano Jamie Delano.

Tainted é uma história kafkiana de perversão e obsessão. Não assume uma visão glamourizante, centrando-nos numa visão patética das personagens. O comic centra-se em três personagens: Steve, um toxicodependente capaz de tudo para alimentar o seu vício, Lisa, uma enfermeira obcecada por dinheiro e traumatizada por uma violação, que fornece drogas ao toxicodependente, e o seu senhorio, George, um homem patético e solitário que esconde um segredo.

Na sua adolescência, George foi um voyeur, espiando regularmente a sua irmã, que acaba por assassinar por medo e vergonha de ser descoberto. Pouco depois, perde os seus pais num acidente de viação, passando a viver sozinho na casa de família. A visão de uma vespa, símbolo da sua sexualidade, mergulha-o nas memórias deprimidas. Lisa, incitada por Steve, inicia com George uma relação masoquista que acaba por ultrapassar um plano inicial de chantagem. Nada espera estes três personagens imperfeitos, traumatizados e solitários, excepto a morte, consequência final das suas acções.

A história é amarga, oscilando entre o patético, a compaixão e a revulsão. As personagens são emocionalmente danificadas, quer pela vida familiar, pela sociedade ou pelas armadilhas da psique. Tainted aborda temas inquietantes, não sendo um comic de fácil leitura.

Sem comentários: